SOCOOORRO!!!!

Comentar

África África do Sul

E foi no fantástico bar anteriormente mencionado que fui atacado por uma autóctone. Valeram-me intensos esforços para evitar ser violado por uma jovem algo mais baixa do que eu, mas com o triplo (a caminhar para o quadruplo) da minha largura (a medida não depende da sua robustez, mas do meu atual momento de forma).
Ortega (Lusa), Guerrinha e João (Sapo) e Pataco (FIFA) não param de rir. Quando mais preciso dela, a suposta guarda pretoria balda-se olimpicamente. Ou Mundialmente. Mas virá o momento do troco. Está prometido…
Depois de me entalar com a sua majestosa ‘bunda’ contra os restantes clientes (o bar está à pinha, não tenho para onde fugir), o meu pescoço, peito e cabeça são vítimas da sua voraz língua.
Na verdade, não me tirou nada. Vontade não lhe faltava. Entre o riso, incredulidade e desespero, nem sei como me consigo safar. Quando tenta morder-me (não sei se ela estaria a pensar noutro verbo) o…, em plena pista, acho que a sua ousadia e estupidez já ultrapassaram claramente o bom senso. E arranjo forças para me livrar deste pesadelo. Custou, mas a donzela deu-me o tónico decisivo. Ponto para o David perante uma louca Golias.
Ainda volta à carga três ou quatro vezes, mas estou vacinado e mantenho sempre a distância. Homem prevenido…

Rui Barbosa Batista
Um mix de jornalista, líder e cronista de viagens, cumpri em 2016 uma centena de países no currículo. Cobri noticiosamente os Jogos Olímpicos na China, o Mundial de futebol na África do Sul ou os Jogos Europeus no Azerbaijão, mas o que me apaixona verdadeiramente são as pessoas e tudo o que (ainda) não conheço. Aventuras em inóspitos desertos, desafiantes glaciares, imponentes vulcões ou sublimes fiordes juntam-se ao doce prazer de cidades charmosas, países remotos e culturas exóticas. De tudo um pouco é feita a minha experiencia no globo. Continuamos juntos?

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

code