Tags:

Nepal, em forma de banda sonora

Comentar

Ásia Nepal

Estávamos de regresso a Pokhara, mas optámos por almoçar neste refúgio tibetano. E fomos surpreendidos pelo melhor da coexistência entre estas duas culturas.
Atacámos um dos pratos típicos – estilo sopa com carne, massa e vegetais, deliciosa iguaria que repetimos – e perguntámos a seis jovens, a chegar à maioridade, se podíamos juntar-nos na mesma mesa. Surpresos, acederam com sorrisos.

Um deles, com “pinta” de artista, com óculos espelhados a resguardar o seu olhar habitualmente jocoso, tocava uns acordes. Pedimos para gravar. Cantaram para nós. E foi assim que resumimos o Nepal…

 

Rui Barbosa Batista
Um mix de jornalista, líder e cronista de viagens, cumpri em 2016 uma centena de países no currículo. Cobri noticiosamente os Jogos Olímpicos na China, o Mundial de futebol na África do Sul ou os Jogos Europeus no Azerbaijão, mas o que me apaixona verdadeiramente são as pessoas e tudo o que (ainda) não conheço. Aventuras em inóspitos desertos, desafiantes glaciares, imponentes vulcões ou sublimes fiordes juntam-se ao doce prazer de cidades charmosas, países remotos e culturas exóticas. De tudo um pouco é feita a minha experiencia no globo. Continuamos juntos?

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

code