Tags:

9A – 9B – 9C

Espanha Europa

As escapadelas de fim-de-semana fora de Portugal não as tenho trazido para o www.bornfreee.com. Nem as minhas saídas profissionais, umas quantas anualmente. O espírito não é o mesmo. E a “preguiça” acaba por prevalecer. A presente exceção justifica-se por um par de situações “anómalas” na reta final de uma saída de três dias. Já em pleno aeroporto. De Barcelona.
“Por aqui?? Só podias ser tu…”, diz-me Marcos, com um ar de quem recusa revelar incredulidade. Afinal, não é todos os dias que encontramos bons amigos num aeroporto, também de regresso a casa.
Em segundos transporto o meu jantar para junto da “descente” Carla, a digníssima esposa. “Não é possível”, vocifera, enquanto trocamos os beijinhos da praxe. Voltam de Andorra, onde foram esquiar uma semana. Estão sem o D. Bernardo, o príncipe que por uns dias dá paz ao aventureiro casal e sacia a voracidade ternurenta dos avós.
Para que conste, Marcos e Carla não são um casal qualquer. Há natural e profunda cumplicidade entre nós. Juntos, já demos umas boas voltas pelos Estados Unidos e Canadá (Carla estava, então, em proeminente gravidez) e exploramos juntos cidades em Itália e Hungria.
Encaminhamo-nos para a porta de embarque. Mesmo com lugares marcados, sobram os apressados que logo formam longa fila. Não lhes ligamos. Apreciamos a sua impaciência na mais de meia hora em que estão em pé até poderem embarcar.
Está a chegar a nossa vez. “Em que lugar vão?”, questiono. Marcos atira a fila 22. Pega nos bilhetes eletrónicos e corrigem. Querem adivinhar? Querem mesmo? Voltem ao título, sem necessidade posterior de reler todo o texto.
A quem sorri para a vida, esta retribui com estes pequenos prazeres…..

Rui Barbosa Batista
Um mix de jornalista, líder e cronista de viagens, cumpri em 2016 uma centena de países no currículo. Cobri noticiosamente os Jogos Olímpicos na China, o Mundial de futebol na África do Sul ou os Jogos Europeus no Azerbaijão, mas o que me apaixona verdadeiramente são as pessoas e tudo o que (ainda) não conheço. Aventuras em inóspitos desertos, desafiantes glaciares, imponentes vulcões ou sublimes fiordes juntam-se ao doce prazer de cidades charmosas, países remotos e culturas exóticas. De tudo um pouco é feita a minha experiencia no globo. Continuamos juntos?