Peixe amok (CAMBODJA)

Comentar

Receitas do Mundo

Hoje apetece matar saudades dos inebriantes sabores asiáticos?! Temos uma proposta irresistível!!

Vamos cozinhar um dos pratos mais apreciados em todo o Cambodja – um peixe amok, herança do império Khmer. Basicamente, é feito de peixe cozido em molho de coco à base de curry.

Ingredientes

Pasta de curry

  • 3 pimentas vermelhas secas
  • 4 dentes de alho picados
  • 1 cebola roxa cortada em cubos
  • 1 colher de chá de açafrão em pó
  • 1 colher de sopa de lemongrass picado
  • 1 colher de sopa de gengibre picado
  • Casca de uma fruta cítrica (limão ou laranja)
  • 1 colher de chá de pasta de camarão

Amok

  • 4 filetes de peixe grandes cortados em cubos (no Camboja eles usam peixe de água-doce)
  • 2 chávenas de leite de coco
  • 2 chávenas de espinafres
  • 1 colher de sopa de açúcar mascavado
  • 1 colher de sopa de molho de peixe
  • 2 ovos
  • 2 folhas grandes de bananeira lavadas (na falta, pode ser papel de alumínio)

Preparação

– Bata num processador todos os ingredientes da pasta de curry e reserve.

– Numa frigideira, coloque 1 colher de óleo e frite a pasta de curry durante 1 minuto. De seguida, acrescente o leite de coco, o açúcar mascavado e o molho de peixe, deixando cozinhar durante cerca 5 minutos.

– Quando o preparado de curry estiver frio, bata delicadamente os ovos e adicione a essa mistura junto com os pedaços de peixe e o espinafre. Esse é o amok.

– Se tiver folhas de bananeira disponha-as em formato de quadrado (similar a uma tigela pequena). Caso não tenha, substitua por papel de alumínio. Coloque a mistura na folha de bananeira e deixe cozinhar ao vapor por 20 minutos.

– Sirva com arroz branco.

 

BOM APETITE!!

Rui Barbosa Batista
Um mix de jornalista, líder e cronista de viagens, cumpri em 2016 uma centena de países no currículo. Cobri noticiosamente os Jogos Olímpicos na China, o Mundial de futebol na África do Sul ou os Jogos Europeus no Azerbaijão, mas o que me apaixona verdadeiramente são as pessoas e tudo o que (ainda) não conheço. Aventuras em inóspitos desertos, desafiantes glaciares, imponentes vulcões ou sublimes fiordes juntam-se ao doce prazer de cidades charmosas, países remotos e culturas exóticas. De tudo um pouco é feita a minha experiencia no globo. Continuamos juntos?

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

code