Salada grega (GRÉCIA)

2 Replies

Receitas do Mundo

Sol, rima com calor, que rima esplanada, que rima com salada!!

Deixamo-nos render ao contraste entre azul e branco da arquitetura das várias ilhas espalhadas pelo Mar Egeu na companhia duma salada grega?

Ingredientes

  • 150 g de Queijo Feta
  • 3 colheres de sopa de azeite
  • ½ colher de chá de açúcar
  • ½ colher de chá de sal
  • 2 colheres de sopa sumo de limão
  • 2 tomates
  • ½ pepino
  • 1 cebola grande
  • 1 pimento verde grande
  • 1 dente de alho
  • 50g de azeitonas pretas
  • 1 pitada generosa de orégãos
  • Manjericão fresco para decorar qb.

 

Modo de preparação

Descasque o dente de alho e esfregue-o numa saladeira.

Corte o pimento ao meio, pelo comprido, e retire-lhe as sementes e as peles brancas. Lave e seque as metades e corte-as em tiras.

Descasque a cebola e corte-as em anéis finos.

Lave o pepino, corte-o em quatro, pelo comprido, e depois em cubos grandes.

Lave e seque os tomates, corte-os em quatro, retire o pedúnculo e depois corte-os transversalmente, em pedacinhos mais pequenos.

Bata na saladeira o sumo de limão com o sal e o açúcar e por fim junte o azeite. Ponha os pedaços de pimento, pepino, tomate e cebola na saladeira e misture com cuidado.

Corte o queijo Feta em cubos não muito pequenos, polvilhe com orégãos e deite-o com as azeitonas, na salada.

Tape a saladeira com um pano e deixe em repouso durante 20 minutos à temperatura ambiente. Lave e seque o manjericão, retire-lhe os talos e corte algumas das folhas em tiras.

No momento de servir, polvilhe a salada com as tiras de manjericão e coloque as folhas inteiras a enfeitar.

 

BOM APETITE!!

Rui Barbosa Batista
Um mix de jornalista, líder e cronista de viagens, cumpri em 2016 uma centena de países no currículo. Cobri noticiosamente os Jogos Olímpicos na China, o Mundial de futebol na África do Sul ou os Jogos Europeus no Azerbaijão, mas o que me apaixona verdadeiramente são as pessoas e tudo o que (ainda) não conheço. Aventuras em inóspitos desertos, desafiantes glaciares, imponentes vulcões ou sublimes fiordes juntam-se ao doce prazer de cidades charmosas, países remotos e culturas exóticas. De tudo um pouco é feita a minha experiencia no globo. Continuamos juntos?

2 comments

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

code